espaço do

ASSOCIADO

Mês do Meio Ambiente ganha programação especial nos shoppings baianos do Grupo JCPM

O público confere exposições, visitas ao Terraço Verde do Salvador Shopping e projeto Jogando Limpo com a Praia, do Salvador Norte

O Salvador Shopping e o Salvador Norte Shopping, empreendimentos do Grupo JCPM na capital baiana, promovem atividades especiais para celebrar o Mês do Meio Ambiente. As ações reiteram o compromisso socioambiental, já reconhecido pelo segmento, de promover um dia a dia mais sustentável e estimular na sociedade atitudes de respeito aos recursos naturais e consumo consciente.

Até 8 de junho, os clientes do Salvador Shopping podem acompanhar atividades como a exposição “Recicla Salvador”, visitas guiadas ao Terraço Verde e ação social envolvendo o plantio de mudas em comunidades do entorno do centro de compras. Já no Salvador Norte Shopping, a programação começa no dia 5 e se estende por todo o mês de junho, com a exposição da “Escultura Peixe” e a quarta edição do projeto Jogando Limpo com a Praia. Todas as atividades têm acesso gratuito.

Além da programação direcionada aos clientes, os dois empreendimentos realizam ações voltadas para o público interno, com a distribuição de mudas de espécies da Mata Atlântica e kits para plantio de sementes. Pensadas em conjunto, as ações se alinham aos princípios do Manifesto de Sustentabilidade, campanha quereforça o compromisso socioambiental do Grupo JCPM e estimula os públicos interno e externo a se engajarem na missão de garantir um mundo melhor para as próximas gerações.

PROGRAMAÇÃO COMPLETA:

SALVADOR SHOPPING

Exposição “Recicla Salvador” – Realizada pela Limpurb (Empresa de Limpeza Urbana de Salvador), a exposição reúne móveis, esculturas e materiais feitos a partir de resíduos. O objetivo é mostrar aos visitantes como é possível prolongar a vida útil de um produto usando técnicas de reutilização, reaproveitamento e reciclagem. Durante a mostra, os clientes conferem demonstração de compostagem. Espaço Gourmet (Piso L1). Visitação de 1º e 5 de junho (segunda a sábado, das 9h às 22h; e domingo, das 12h às 21h).

Terraço Verde – O projetoutiliza a tecnologia a biotimização para produzir fertilizante livre de produtos químicos, a partir de resíduos orgânicos recolhidos das cozinhas de restaurantes da praça de alimentação. O adubo é utilizado em uma horta orgânica, que é regada com água 100% proveniente do reaproveitamento de chuva, e produz hortaliças que retornam às mesas dos restaurantes parceiros. Terraço Verde (Piso L3). Visitação de 3 a 5 de junho exclusivamente para escolas. Visitação pública dias 6 (10h e 16h) e 8 (das 9h às 16h), sem necessidade de agendamento prévio.

Ação social – No dia 8 de junho, jovens do Instituto João Carlos Paes Mendonça de Responsabilidade Social participam do plantio de mudas nas comunidades onde moram: Pernambués, Boca do Rio e Saramandaia.

SALVADOR NORTE SHOPPING

Exposição “Escultura Peixe” – Para chamar a atenção do público para a questão da poluição ambiental, a Limpurb (Empresa de Limpeza Urbana de Salvador) apresenta uma grande escultura metálica em forma de peixe, com a frase “Olha o que acontece quando você deixa seu lixo na praia”. Piso L2 (em frente à Leader). Visitação de 5 a 16 de junho (segunda a sábado, das 9h às 22h; e domingo, das 12h às 21h).

Jogando Limpo com a Praia – A quarta edição do projeto será realizada em duas etapas: dia 8, em Itapuã, e dia 15, em Ipitanga. O projeto tem como objetivo despertar a consciência ambiental e cidadã da população através da coleta de resíduos, estimulando a participação de banhistas, pescadores e ambulantes. A ação é promovida pelo Salvador Norte Shopping com o apoio do Instituto João Carlos Paes Mendonça de Compromisso Social (IJCPM), Limpurb, Semarh (Secretaria de Meio ambiente, Saneamento e Recursos Hídricos de Lauro de Freitas).

DIA A DIA SUSTENTÁVEL

No primeiro quadrimestre de 2019, o Salvador Norte Shopping registrou uma reciclabilidade de 33,52% de material, enquanto o Salvador manteve a média de 22,79%. Considerando o volume total de material reciclável, os dois empreendimentos acumularam 380 toneladas entre janeiro e abril. Fazendo um balanço desde 2018, No Salvador Shopping, neste mesmo período, foram produzidas 81,80 ton de compostagem livre de agrotóxicos e 3500 unidades de hortaliça foram produzidas no Terraço Verde.

O Salvador Shopping e o Salvador Norte Shopping produziram, em 2018, quase 1400 toneladas de resíduos recicláveis, sendo 812 de papel, 101 de vidro, 68 de plástico e 53 de metal. Todo o material reciclável coletado é doado para a CAEC (Cooperativa de Agentes Ecológicos de Canabrava), beneficiando mais de 100 famílias. Além dos resíduos convencionais, são coletados mensalmente em média sete toneladas de resíduos eletrônicos, duas toneladas e meia de pilhas e baterias e seis mil litros de óleo de cozinha usado. Os shoppings disponibilizam coletores específicos para que os clientes possam descartar esses resíduos especiais.

Os dois centros de compras também adotam medidas para garantir a economia de energia. Um dos destaques é a própria arquitetura dos equipamentos, projetada para otimizar ao máximo a penetração de iluminação natural, através de vidros especiais que filtram os raios infravermelhos e ultravioletas – a presença de claraboias representa uma economia de cerca de 40%. Outro item importante é o sistema de ar condicionado, que economiza 22% de energia através do processo de termoacumulação e recupera 27% da água utilizada.

A economia de água também é destaque na operação dos empreendimentos. O aproveitamento da água de chuva garante uma economia de 12% de todo o consumo médio mensal. O uso de torneiras automatizadas e de sistema de descarga a vácuo nos banheiros registra uma economia de 90% no consumo de água, se comparado ao sistema tradicional.

No Salvador Shopping, desde que foi implantado o Terraço Verde, o centro de compras deixa de enviar para o aterro sanitário oito toneladas por mês de resíduos orgânicos, que são transformados em adubo livre de agrotóxico. O fertilizante é utilizado na produção de hortaliças – 3.500 unidades já foram colhidas e encaminhadas para os restaurantes parceiros do projeto – e nas áreas verdes do empreendimento, além de ser encaminhado para doação a hortas urbanas da cidade.

INFORMAÇÕES À IMPRENSA: