espaço do

ASSOCIADO

Conjunto Nacional de Brasília recebe réplica de dois satélites brasileiros

Mock-ups do Amazonia 1 e CBERS-4A, em tamanho real, ficam expostos no shopping a partir de hoje (29) até a quinta-feira (02/12), com entrada gratuita

 

O shopping Conjunto Nacional, em Brasília, recebe hoje, segunda-feira (29), mock-ups “réplicas” em tamanho real de dois satélites brasileiros, o Amazonia 1 e o CBERS-4A. A exposição é uma iniciativa do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) para promover a 18ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT), que será realizada entre os dias 3 e 10 de dezembro. A abertura oficial da exposição será hoje (29), às 18h, com a presença do Ministro Marcos Pontes.

As duas réplicas ficam expostas no Conjunto Nacional até quinta-feira (02/12), com acesso gratuito. No dia seguinte, ambas seguem para o local da SNCT, no Pavilhão de Exposições do Parque da Cidade

Com seis quilômetros de fios e 14 mil conexões elétricas, o Amazonia 1 é o terceiro satélite brasileiro de sensoriamento remoto em operação junto ao CBERS-4 e ao CBERS-4A. O Amazônia-1 é um satélite de órbita Sol síncrona (polar) que irá gerar imagens do planeta a cada 5 dias. Para isso, possui um imageador óptico de visada larga (câmera com 3 bandas de frequências no espectro visível VIS e 1 banda próxima do infravermelho Near Infrared ou NIR) capaz de observar uma faixa de aproximadamente 850 km com 64 metros de resolução.

Sua órbita foi projetada para proporcionar uma alta taxa de revisita (5 dias), tendo, com isso, capacidade de disponibilizar uma significativa quantidade de dados de um mesmo ponto do planeta. O Amazonia 1 tem a capacidade de fornecer dados de um ponto específico em dois dias. Esta característica é extremamente valiosa em aplicações de observação da Terra, pois aumenta a probabilidade de captura de imagens úteis diante da cobertura de nuvens na região.

Os satélites da série Amazônia serão formados por dois módulos independentes: um Módulo de Serviço, que é a Plataforma Multimissão (PMM), e um Módulo de Carga Útil, que abriga câmeras imageadoras e equipamentos de gravação e transmissão de dados de imagens.

O CBERS-4A é o sexto satélite desenvolvido pelo Programa CBERS, firmado em 1988 pelos governos brasileiro e chinês. A parceria garantiu aos dois países o domínio da tecnologia do sensoriamento remoto para observação da Terra.

O Programa CBERS, com mais de 30 anos, está em sua segunda geração de satélites. O CBERS-04A leva a bordo duas câmeras brasileiras (MUX e WFI) e uma chinesa (WPM). A MUX (Câmera Multiespectral Regular) pode gerar imagens de 16 metros de resolução, com revisitas a cada 31 dias. A WFI (Câmera de Campo Largo) possui resolução de 55 metros, com revisitas a cada 5 dias, enquanto a WPM (Câmera Multiespectral e Pancromática de Ampla Varredura), conta com resolução de 2 metros em modo pancromático e de 8 metros em RGB (Red-Green-Blue, multiespectral). O CBERS 04A fica em uma altitude de órbita mais baixa em relação ao CBERS-4, atualmente em operação, e por isso suas imagens serão geradas com melhor resolução espacial.

SNCT – A 18ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT 2021) começa na quinta-feira (3) e segue até sexta-feira (10), no Pavilhão de Exposições do Parque da Cidade, em Brasília. O evento é realizado anualmente pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI). O tema desta edição é “a transversalidade da ciência, tecnologia e inovações para o planeta”.

A ideia é mostrar como a CT&I estão presentes nas mais diferentes áreas da nossa rotina. Totalmente de graça e voltado para toda a família, a SNCT conta com estandes distribuídos por todo o Pavilhão apresentando as principais tecnologias desenvolvidas pelo MCTI, unidades vinculadas, órgãos de governo e parceiros do evento, totalizando mais de 40 instituições. No palco principal acontecem palestras sobre variados temas com especialistas convidados pelo ministério. Além disso, o evento conta com a exposição de veículos do Exército, da Marinha e da Aeronáutica. Carretas com a realização de oficinas voltadas para professores, crianças, jovens e o público em geral.

 

 

Nós utilizamos cookies para analisar e melhorar sua experiência de navegação e recomendar conteúdos de seu interesse. Ao navegar pelo site, você concorda com este monitoramento e o uso de cookies. Em caso de dúvidas, acesse nossa Política de Privacidade.

TOPO