Imprensa / Notícias do Setor / Espaço do Associado

14/12/2017



PROJETO MUELLER ECODESIGN SOCIAL: REFORMA DE QUARTOS VALORIZA REAPROVEITAMENTO DE MATERIAIS


PROJETO MUELLER ECODESIGN SOCIAL: REFORMA DE QUARTOS VALORIZA REAPROVEITAMENTO DE MATERIAIS


Os espaços para as crianças e os pais sociais prezam pelo aconchego e bem-estar

 

   As obras do Projeto Mueller Ecodesign Social 2017 estão a todo vapor. Neste ano, o Lar Batista Esperança é a instituição que será beneficiada com a iniciativa. Entre todos os cômodos que estão sendo reformados, os quartos ganharam uma proposta sustentável, sem deixar de lado o conforto, que promete encantar os moradores.

 

    No total, são quatro quartos que estão sendo reformados. São eles: cômodo dos pais sociais, ambiente que está sendo transformado pelo arquiteto Fábio Aguiar, do escritório F.Aguiar Arquitetura e Urbanismo; dois quartos para os meninos, sendo um dos espaços assinado pelas arquitetas Vania Toledo Martins e Ana Carolina Mazzarotto; dos escritórios Vânia Toledo Martins Arquitetos Associados e AMR Arquitetura e Design, respectivamente; e o outro ambiente assinado pela arquiteta Carolene Coimbra. Já o quarto cômodo, destinado às meninas, está sendo executado pelas arquitetas Fernanda Viero e Keyla Kinder, do escritório Kids Arquitetura.

     Entre as melhorias que estão sendo feitas no quarto dos pais sociais, o arquiteto Fábio Aguiar, em sua primeira participação no projeto, destaca o acabamento, iluminação, e a reforma nos móveis e piso. “Optou-se pela revitalização de alguns móveis existentes, aumentando a vida útil do mesmo. Além disso, a madeira será reciclada”, explica o arquiteto. Ele conta que durante a idealização do projeto, foi levado em conta o bem-estar do casal. “Visto que este espaço é o único que não é compartilhado com outras pessoas, buscamos trazer conforto e privacidade para um casal jovem que tem a sua rotina voltada a cuidar de outras vidas”, destaca Fábio Aguiar.

 

    As arquitetas Ana Carolina Mazzarotto e Vania Toledo Martins, ficaram responsáveis pela transformação de um dos quartos voltado para quatro meninos. Participando pela primeira vez do projeto, as profissionais destacam as melhorias que serão feitas no espaço. “Desde pintura, renovação do piso, mobiliário sob medida, iluminação e pontos elétricos. O conceito do projeto é proporcionar para cada menino um ambiente individualizado dentro do quarto coletivo”, explica a arquiteta Ana Carolina Mazzarotto. Segundo as profissionais, o intuito é investir no reuso de materiais. “Vamos procurar usar materiais de reaproveitamento de marcenaria, renovar o piso existente sem demolição, equipamentos de iluminação fora de linha na loja, mas que podem ser recuperados”, destaca a arquiteta Vania Toledo Martins. Neste ambiente, cada menino terá, além da cama, uma porta de armário e prateleiras para objetos pessoais. Segundo as profissionais, o objetivo é que cada um se sinta valorizado e possa personalizar o seu espaço.

 

   Em sua primeira participação no Projeto Mueller Ecodesign Social, a arquiteta Carolene Coimbra, ficou responsável pela transformação do outro quarto para três meninos. “Meu projeto compreende o piso, forro, parede, esquadria, rodapés, iluminação, porta e mobiliário”, diz Carolene Coimbra. Buscando valorizar a sustentabilidade em seu projeto, a arquiteta explica que será proposto uma textura de gesso em 3D na parede, material que será reciclado. “A reciclagem do gesso traz soluções sustentáveis para a construção civil, chegando a reciclar 100% do material. A proposta de substituição para esquadrias de alumínio também foi adotado como uso de material mais sustentável, considerando o alumínio um material reciclável. As esquadrias de alumínio são leves, duráveis e mais eficientes sob o conforto ambiental”, destaca a profissional.

 

     Para a reforma do quarto das meninas, as arquitetas Fernanda Viero e Keyla Kinder, responsáveis pelo projeto, pensaram em uma solução que valorizasse o momento de privacidade de cada menina. “Achamos fundamental que elas se vejam como indivíduos únicos, e se sintam acolhidas nesse lar que está dando a elas uma oportunidade de crescer. E que o espaço seja um refúgio, mas também um local de interação entre elas. Nosso objetivo é proporcionar a essas meninas um local em que elas se identifiquem e que se apropriem do ambiente”, explica a arquiteta Fernanda Viero. As melhorias que estão sendo feitas no local compreendem a colocação de piso laminado, pintura das paredes, com intervenção da artista plástica Marilene Ropelato, execução de novas camas, iluminação mais aconchegante e individual para leitura em cada cama, e aumento do espaço de armário em relação ao existente no espaço.

         Na busca por todos os materiais utilizados na reforma, as arquitetas pensaram no reaproveitamento total dos materiais. “Pedimos aos nossos fornecedores a doação de materiais que poderiam ser jogados no lixo, como forma de dar um novo uso para cada material. Também estamos utilizando o mesmo armário que as moradoras possuem no quarto, apenas dando uma repaginada e unificando com a parte nova executada, através da adesivagem”, finaliza a arquiteta Keyla Kinder.

          Para o desenvolvimento das obras, 13 escritórios de Curitiba (PR), sendo um total de 24 profissionais, aderiram ao projeto. Alguns já participaram de outras edições e outros marcam a sua estreia. São eles: Ana Carolina Mazzarotto, Ana Sekulic, Andréa Benthien, Carolene Coimbra, Fábio Aguiar, Ivana Guimarães, Simone Weber, Elizane Souza, e Daniela Martins, Jane Rocha, Keyla Kindere Fernanda Viero, Jaqueline Siebert e Rodrigo Garcia, Nadia Bentz e Vanderlan Farias, Sandro Percicotti, Suzane Simon, Vania Toledo Martins, Zeh Pantarolli e Diego Miranda. Os coordenadores técnicos do projeto são a arquiteta Rose Guazzi e o arquiteto e paisagista Marcelo Calixto. 

 

Cronograma do projeto

           A entrega está prevista para este mês. Todas as etapas do projeto Mueller Ecodesign Social são documentadas, por meio de fotos e vídeos, e farão parte de uma exposição, no Shopping Mueller, prevista para o início de 2018.


SERVIÇO:
Projeto Mueller Ecodesign Social
Informações: www.shoppingmueller.com.br
Facebookwww.facebook.com/MuellerCtba
Twittertwitter.com/muellercwb
Instagram: @muellercwb