Imprensa / Notícias do Setor / Notícias do setor

14/12/2016



ALMEIDA JUNIOR AGORA TEM ESTACIONAMENTOS 100% LED



 

De grande importância para espaços que agregam consumo e lazer, a iluminação de LED é o novo investimento da Almeida Junior. Atenta às novas tecnologias, ao conforto do cliente e em linha com ações sustentáveis, a empresa finaliza neste mês a substituição das lâmpadas fluorescentes pelas de LED no estacionamento dos cinco shoppings: Balneário, Continente, Garten, Neumarkt e Norte - o Nações Shopping, que inaugurou em abril, já foi lançado com as lâmpadas LED. A mudança, que prevê um investimento acima de R$ 200 mil, vai melhorar em média 30% o nível de iluminação nas áreas, além de representar economia no consumo de energia e redução no impacto ambiental.

Uma das vantagens da iluminação de LED é a eficiência elétrica. Este tipo de lâmpada emite muito mais fluxo luminoso, utilizando muito menos energia. De acordo com a gerente de Operações Corporativa, Luana Costa Almeida Dias, os shoppings da Almeida Junior saem de uma iluminância de 330 lux para a faixa de 400 lux. “Utilizávamos lâmpadas fluorescentes de 32 watts e mudamos para lâmpadas LED de 24 watts com fluxo luminoso de 2.640 lúmens e 6500k de cor. Na prática, este aumento da intensidade de iluminação nos estacionamentos irá proporcionar um ambiente com mais atenção para os clientes”, explica.

A vida útil das lâmpadas de LED é de mais de 40 mil horas, enquanto a fluorescente tubular - utilizada anteriormente - chega a 7 mil horas. Desta forma, o uso da iluminação de LED ajudará a reduzir significativamente os custos de manutenção. A redução no consumo de energia também é apontada pela gerente de Operações Corporativa como um dos benefícios alcançados com o uso desta tecnologia. 

Outro diferencial é que as lâmpadas de LED não prejudicam o meio ambiente, já que em sua composição não há metais pesados como chumbo e mercúrio. A inexistência destas substâncias tóxicas e de materiais como vidro e elementos metálicos facilitam o descarte, que não precisa ser especial como acontece com as lâmpadas fluorescentes. Além disso, o alumínio e o aço, utilizados na estrutura deste tipo de lâmpada, podem ser reciclados.



--