Imprensa / Notícias do Setor / Notícias do setor

13/09/2016



CONVERSA DE GIGANTES


CEO Brasil da Bloomin’ Brands International e diretor executivo de operações na BRMalls trocam experiências no palco do Congresso Internacional de Shopping Centers




Por Ticiana Werneck

 

Salim Maroun, CEO Brasil da Bloomin’ Brands International, dona de marcas como Outback Steakhouse e Abraccio, realizou uma das palestras mais emocionantes do Congresso Internacional de Shopping Centers até agora.

O libanês, conhecido por ser um grande contador de histórias, lembrou diversas passagens curiosas de sua vida. Empreendedor nato, ele construiu uma gigante do varejo alimentício, são hoje 87 restaurantes.

No palco, Salim estava acompanhado de Ruy Kameyama, diretor executivo de operações na BRMalls e direcionou a ele perguntas diretas: “Como você define a relação entre as nossas empresas?”. Kameyama confidenciou que a princípio a BRMalls tratava a Bloomin’ Brands International como um cliente transacional, mas a relação evoluiu e hoje é muito mais “parceiro que cliente”.

Salim, que se define como um obstinado pelo cliente, também questionou Kameyama sobre o que vem antes na concepção de um novo empreendimento. “Antes era bem hard, ou seja, a concepção envolvia apenas parede, tamanho de loja, etc. Mas hoje esta concepção está muito mais ligada ao que o consumidor e o lojista gostariam que o espaço compreendesse. Então nossa atenção se volta para a inclusão de espaços de convivência, lounges, praças, restaurantes”, comentou Kameyama. “Nosso negócio de real estate vem se tornando cada vez mais retail. Sendo assim, quanto mais conhecermos sobre o consumidor e o que ele quer, melhor sucedido seremos na concepção de shopping”, complementou o diretor da BRMalls.