Imprensa / Notícias do Setor / Notícias do setor

09/09/2016



CONGRESSO COMEMORA OS 50 ANOS DO SETOR DE SHOPPING NO BRASIL


14º. Congresso Internacional de Shopping Centers terá um espaço especial dedicado a esta comemoração

Por Ticiana Werneck

 

Em 2016, a indústria de shoppings comemora um marco importante em sua história: são 50 anos de trajetória, crescimento e desenvolvimento dos centros de compras no Brasil.

Do primeiro shopping instalado em território nacional até os dias atuais, é possível perceber o amadurecimento e a profissionalização do setor, que se transformou em um segmento de grande relevância para o desenvolvimento socioeconômico do país, representando hoje 3% do PIB nacional.

São hoje 550 empreendimentos, que juntos empregam mais de 1 milhão de pessoas. Os números são superlativos: em 2015, os shoppings brasileiros receberam 444 milhões de frequentadores por mês e registraram um faturamento de R$ 151,5 bilhões, com 12 novos empreendimentos em operação. São 100.400 mil lojas, 2.600 salas de cinema, 787.800 vagas de estacionamento e um total de 15 milhões de ABL (Área Bruta Locável).

“Trata-se de uma força econômica vital para o desenvolvimento da sociedade”, resume Glauco Humai, Presidente da ABRASCE. Ele continua: “Nem sempre foi assim. Em 1966, quando o Shopping Iguatemi abria suas portas em São Paulo, havia grande desconfiança em relação à viabilidade de um empreendimento desse tipo no país. O comércio se estruturava em torno de ruas comerciais”, diz.

Essa história será contada em totens montados em um espaço especialmente dedicado aos 50 anos do setor no 14º Congresso Internacional de Shopping Centers, promovido pela Abrasce e que acontece em São Paulo entre os dias 12 e 14 de setembro próximos.

Este também será o tema do primeiro painel do congresso, no dia 12. Pioneiros da indústria de shopping center, como Carlos Jereissati (Iguatemi), José Isaac Peres (Multiplan), Renato Rique (Aliansce), Marcos Baptista Carvalho (Ancar Ivanhoe), Paulo Stewart (Saphyr), subirão ao palco para debater os principais desafios, suas experiências e aprendizados nestes 50 anos. Para mediá-los, Luiz Fernando Veiga, presidente do Conselho Deliberativo da Abrasce.

O crescimento do País, o avanço das metrópoles, a estabilidade econômica e o consequente aumento do poder de compra, tudo isso impactou de forma positiva o setor, que foi ao longo destes 50 anos se adaptando às necessidades da sociedade e mudando com ela.

“Os shopping centers evoluíram para se transformar em centros de cultura e serviços, sem deixar de lado sua vocação comercial. Salas de cinema de última geração, espaços para eventos, teatros, centros de convenções, restaurantes e grandes áreas de entretenimento fazem parte do mix dos shoppings, criando novas oportunidades de relacionamento com os clientes e gerando o desafio de equilibrar lazer, diversão e vendas em um único espaço, mantendo a saúde financeira dos empreendedores”, comenta Humai.

Além de celebrar os 50 anos do setor, o 14º Congresso Internacional de Shopping Centers & ExpoShopping, trará no palco os maiores nomes dessa indústria para discutir tendências, ideias, melhores práticas e estratégias. O evento acontece no Transamérica Expo Center, em São Paulo, de 12 a 14 de setembro. Não perca! (www.portaldoshopping.com.br/congressointernacional)