Imprensa / Notícias do Setor / Espaço do Associado

03/01/2019



EMPREENDIMENTOS DA PARTAGE SHOPPING AGORA SÃO PET FRIENDLY


A Partage Shopping acaba de anunciar a adoção do conceito Pet Friendly em todos os seus shoppings,  localizados nas regiões Norte, Nordeste, Sul e Sudeste do País. Todos eles estão se adequando, para receber, até o final de dezembro, os pets de seus clientes. Para isso, os empreendimentos estão trabalhando na sinalização e conscientização dos colaboradores e clientes sobre as regras de segurança e de convivência com os animais.  

“Sempre desenvolvemos eventos que valorizam o relacionamento do ser humano com os animais, como, por exemplo, as feiras de adoção. Fizemos um amplo estudo e percebemos que, além de ser uma tendência mundial nas empresas, grande parte dos nossos consumidores possuem pets em casa. Por isso, decidimos implantar o conceito Pet Friendly em todos os nossos shoppings, com o intuito de valorizar os ‘melhores amigos’ dos nossos clientes”, conta Julio Macedo, diretor de Gestão e Marketing da empresa.

Passarão a ser Pet Friendly: Partage Shopping São Gonçalo (RJ); Partage Shopping Mossoró (RN); Partage Norte Shopping Natal (RN); Partage Shopping Campina Grande (PB); Partage Shopping Betim (MG); Partage Shopping Parauapebas (PA) e o Partage Shopping Rio Grande (RS).  A divulgação será feita por meio de folders, banners digitais, redes sociais, comunicação nas cancelas de estacionamento, anúncios e assessoria de imprensa. O selo “Partage Pet Friendly” também estará presente nas lojas que aceitarem animais e os corredores dos empreendimentos terão cartazes com as regras de acesso dos pets.

Todos os portes (pequeno, médio e grande) de cães e gatos serão permitidos, desde que estejam sempre conduzidos na guia, no colo ou carrinho específico. Não será permitida a entrada de cães de comportamento agressivo, mesmo sendo de pequeno porte. Os animais podem acessar os elevadores no colo ou carrinho específico, já nas escadas rolantes o acesso é permitido somente no colo. Caso o pet faça suas necessidades nos corredores, o dono do bichinho deverá realizar a limpeza do local. A liberação de acesso ao interior das lojas ficará a critério de cada estabelecimento.  Não é permitido que os pets, independentemente do porte, fiquem sobre os sofás, poltronas, cadeiras, vasos, floreiras, jardins externos e demais mobiliários e áreas do shopping. Apenas cães guia podem acessar as praças de alimentação e restaurantes, conforme a lei nº 11.126/05. Nos cafés, docerias e sorveterias, foi definido que cada estabelecimento terá suas regras. Raças como Pitt Bull, Bull Terrier, American Strafforshire Terrier, Pastor Alemão, Rottweiller, Fila Brasileiro, Doberman, Mastim Napolitano e Mastiff devem usar guia, enforcador e focinheira.

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Brasil possui cerca de 132 milhões de pets. De acordo com pesquisa feita pelo SPC Brasil e pela CNDL em 2018, muitos donos gostariam de integrar seus animais de estimação a esferas da vida cotidiana que vão além de suas residências. Seis em cada dez (62%) entrevistados sentem falta de espaços públicos que permitam a permanência de pets com os donos, como restaurantes, lojas, shopping centers etc. Além disso, 46% afirmam dar preferência a lugares onde a presença dos animais é permitida.