Imprensa / Notícias do Setor / Notícias do setor

03/11/2015



VALISERE ANUNCIA EXPANSÃO NO VAREJO


São Paulo - Na contramão do cenário econômico, que deixa em evidência a ausência de investimentos do meio empresarial, a grife de lingerie Valisere anuncia seu plano de expansão, com ênfase na área de franquias. Atualmente composta por 30 lojas, sendo oito próprias e 22 franqueadas, a marca prevê a abertura de mais de 250 pontos de venda ao longo dos próximos cinco anos.

De acordo com o diretor da empresa, Gustavo Rosset, a ação marca o fim do período de aprendizado da Valisere dentro do mercado de franquias, iniciado em 2010. "Demos início na estratégia em 2010, e ao longo do período ganhamos um aprendizado importante. Queremos estar mais próximos de nossas consumidoras", pontuou o executivo, que lidera outras cinco marcas do grupo Rosset: ValFrance, Triumph, Sloggi, Água Doce e Classic.

O projeto, que encabeça as estratégias de marketing do grupo, onde são investidos cerca de R$ 2,5 milhões por ano, mapeou 278 possíveis lojas, cujo investimento do fraqueado varia entre R$ 120 mil e R$ 150 mil, além da compra de estoque, orçado na média de R$ 50 mil. "Hoje nosso franqueado consegue modelar sua loja de acordo com o público que ele tem em sua cidade. Contamos com as quatro marcas de lingerie e duas do segmento de moda praia, que podem ser inseridas no espaço, que terá o modelo padrão das lojas da marca de lingerie Valisere", frisou ele ao DCI.

As unidades estão previstas para cidades com menos de 400 mil habitantes, sendo de rua ou shopping, que visam atingir o público B e C. Trata-se do modelo Valisere Brands, com custo que pode chegar até R$ 2 mil o metro quadrado. "No primeiro momento contamos com propostas de 50 interessados, dos quais acreditamos que metade poderão resultar em contratos fechados", afirmou.

Alta rentabilidade

Com a rentabilidade do negócio estimada 15% e retorno de investimento a partir de 24 meses, a empresa acredita que a modalidade representa cerca de 50% do número total dos novos pontos de venda.

Para o modelo Valisere Premium, opção tradicional das franquias da marca o investimento gira em torno de R$ 400 mil, para lojas de 40 a 50 metros quadrados, com prazo de retorno estimado entre 40 meses. "Este modelo é aconselhado para grandes cidades, com lojas em shoppings ou ruas com grande movimentação de pessoas", explicou Rosset.

Cenário estável

"O Brasil não passa por um bom momento, mas nosso mercado conta com a retomada de consumo do público que fazia suas compras fora do País", destacou o empresário, que afirma crescimento de 15% para a marca de lingerie.

Com representação estimada de 20% do faturamento anual do grupo, a marca também conta com o processo de internacionalização, com evolução em mercados da América do Sul e Estados Unidos. "Nosso plano é encerrar o ano ao menos estável", concluiu, lembrando que o faturamento previsto para este ano no grupo é de R$ 750 milhões.

Davi Brandão

Fonte: DCI